d

                      aprese  logo (3)     

Organização

O Instituto Festival de Dança é uma Organização Social com Conselho Administrativo e Fiscal. Conta com representantes do poder público, representantes da comunidade e de entidades representativas da sociedade civil organizada, como Associação Empresarial de Joinville (Acij), Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) e Conselho Municipal de Cultura, além da Diretoria responsável pela execução do Festival.
 

Diretoria: é responsável pelo planejamento, execução, administração financeira e captação de recursos para o Festival de Dança, bem como pelo funcionamento do Instituto Festival de Dança. Formação atual:
 
Presidente
Ely Diniz da Silva Filho

ely

É formado em Relações Públicas e Pós-Graduado em Administração. Além de presidir o Instituto Festival de Dança de Joinville, é também presidente da EDM Logos Comunicação Corporativa.

Vice Presidente

Valdir Steglich

20130710170246capa08_2

Formado em medicina/ortopedia, faz parte do Conselho administrativo do Instituto de Ortopedia e Traumatologia e é também presidente da Escola Bolshoi.
 
Diretor Administrativo
José Francisco Payão

diretoradministrativo
Graduado em Administração em 1982 e Pós-Graduado em Administração de Empresas, foi diretor administrativo e presidente da Fundação Cultural de Joinville. Já ocupou também o cargo de presidente do Instituto Festival de Dança de Joinville em 2005 e 2006. Desde então é o responsável pela área administrativa e financeira do Instituto.


Curadoria Artística: nomeada pela presidência da diretoria do Instituto Festival de Dança, mantém o formato que prevê a mudança alternada dos curadores a cada dois anos. Constituído por profissionais reconhecidos da dança nacional e internacional, tem por responsabilidade trazer sugestões que contribuam para a formatação técnica e artística do evento, como revisar o regulamento das mostras, fazer a seleção dos grupos, indicar professores, jurados, companhias convidadas e outros projetos e ações especiais que podem enriquecer o conteúdo técnico-artístico do evento. Formação atual:
 
Mônica Mion

14788507466_a401b827ee_z
Bailarina premiada duas vezes pela Associação Paulista de Críticos de Arte e Menção Honrosa do prêmio Governador do Estado, iniciou sua carreira profissional, em 1974, no Ballet Stagium após formação com a Profa Nice Leite e especialização no Centro de Dança Rosella Hightower, em Canes, França. Nos 2 anos que permaneceu no Ballet Stagium, apresentou-se por todo Brasil e, também, no exterior. Em 1976, transferiu-se para o Balé da Cidade de São Paulo, , onde permaneceu por 34 anos,  desenvolvendo longa e profícua carreira. Atuou como solista em montagens de coreógrafos consagrados e foi, também, durante 10 anos, ensaiadora e assistente de coreografia. Em 2001, foi convidada a dirigir a companhia, cargo em que permaneceu por 9 anos, trazendo grande desenvolvimento para o BCSP, em todos os setores,  consolidando o prestígio do grupo como referencia na dança nacional e internacional. Formada pela PUC-SP em Comunicações das Artes do Corpo.
 
Ana Botafogo

img-495499-ana-botafogo20130321191363904363

Nasceu no Rio de Janeiro, e iniciou seus estudos de ballet clássico ainda pequena mas foi no exterior que ela complementou sua formação. Na Europa freqüentou a Academia Goubé na Sala Pleyel, em Paris (França), a Academia Internacional de Dança Rosella Hightower, em Cannes (França) e o Dance Center-Covent Garden, em Londres (Inglaterra).De volta ao Brasil no final da década de 70, a bailarina ainda muito jovem, foi  nomeada Bailarina Principal do Teatro Guaíra (Curitiba-PR), da Associação de Ballet do Rio de Janeiro e, em 1981 juntou-se ao balé do Teatro Municipal do Rio de Janeiro.
No ano de 1999 o Ministério da Cultura do Brasil outorgou-lhe o Troféu Mambembe referente ao ano de 1998, pelo reconhecimento ao conjunto do trabalho e divulgação da dança em todo o território nacional. Em dezembro de 2002 recebeu do Ministério da Cultura a Ordem do Mérito Cultural, na classe de Comendadora, por ter se distinguido por suas relevantes contribuições prestadas à cultura no país,e em agosto de 2004 recebeu a Medalha de Mérito Pedro Ernestro da Câmara Municipal do Rio de Janeiro.
Ana Botafogo é considerada, tanto pelo público como pela crítica, uma das mais importantes bailarinas brasileiras por sua técnica, versatilidade e arte.

Thereza Rocha

Thereza_Rocha

 

 

 

 

 

 

Pesquisadora e artista da dança. Doutora em Artes Cênicas pela UNIRIO. Concebeu a instalação Máquina de Dançar, em colaboração com Maria Alice Poppe, com temporada no Rio de Janeiro em 2014. Integra comissões curatoriais de programas e projetos de dança em nível nacional. Foi diretora da divisão de dança do Instituto Municipal de Arte e Cultura/RIOARTE onde concebia e coordenava ações da política de dança da Prefeitura do Rio. Integrou a Câmara Setorial de Dança, órgão consultivo MinC/FUNARTE. É professora dos cursos de graduação em dança da Universidade Federal do Ceará onde coordena o grupo de pesquisa: QUINTAL: dança, pensamento, outras dramaturgias e regimes de dizibilidade. Palestra e publica regularmente. É autora do livro Diálogo/Dança (São Paulo: SENAC, 2012), junto com Marcia Tiburi. Escreve atualmente o livro O que é dança contemporânea?, voltado para o público jovem, contemplado com o Prêmio FUNARTE de Dança Klauss Vianna e o RUMOS Itaú Cultural. Coordenou as edições 2014 e 2015 dos Seminários de Dança de Joinville.

 

 

 

Conselho de Administração: responsável por ações deliberativas que incluem aprovação do planejamento e acompanhamento da execução e resultados dos projetos desenvolvidos pela Diretoria do Instituto. Os dez integrantes do Conselho de Administração têm mandato entre 2 e 4 anos e reúnem-se três vezes ao ano.

Formação atual:

Presidente do Conselho: Joel Gehlen é jornalista, editor e diretor da Editora Letra D’Água;
Vice-presidente do Conselho: Margit Olsen, representante do Conselho dos Associados do Instituto Festival de Dança de Joinville;

Guilherme Gassenferth é representante do poder público;

Elaine Pereira Gonçalves  representante do Conselho Municipal de Cultura;
Carlos Antonio Grendene, empresário (representante da CDL);
Rodrigo Coelho, representante do poder Público Municipal;

José Raulino Esbiteskoski, representante do poder Público Municipal;

Marina Heloisa de Medeiros Mosimann, empresária com atuação na produção e gerenciamento artístico cultural;

Silvio Arlindo Borges, representante da área da educação.


Conselho Fiscal: responsável pela supervisão das atividades administrativas e financeiras do Instituto. Os integrantes do Conselho Fiscal têm mandato de 2 anos e reúnem-se a cada seis meses.

Formação atual:
• Atanásio Pereira Filho
• Aliatar José Cordeiro
• Luiz Henrique Lima

Conselheiros Suplentes
• Jean Carlos Vieira
• Luiz Carlos da Silva
• Francieli Cristini Schultz 

Lei Rouanet Lei de Incentivo à CulturaBanco Itaú - Feito Para Você  Patrocínio Funcultural Governo de Santa Catarinalogomarca Diario CatarinensebetocarreroTractebel EnergiaApoio O BoticárioColaboração Folha de São PauloRealização Instituto Festival de Dança de joinvilleministerioculturalogogoverno

Desenvolvido por iNOWEb